No campo da física, os cristais são os melhores condutores e amplificadores de energia. Eles  são utilizados na composição  da fibra ótica, dos chips de computadores e na fabricação de relógios. Da mesma forma, os cristais podem também ser utilizados em processos espirituais e terapêuticos como na
meditação e na harmonização do corpo e do  ambiente. Os cristais atuam como que refletindo a luz na forma sólida.
São vários os tipos de cristais de acordo com a família, cor e  forma. As pedras por si só não curam mas sim harmonizam e equilibram a energia  da pessoa ou do ambiente. Além da colocação das pedras, há também a necessidade da integração corpo-mente tanto por  parte do paciente quanto do terapeuta. Com o corpo energeticamente equilibrado, o estado físico geral melhora.
Para os trabalhos de cura, dá-se preferência a pedras na forma bruta. O processo de lapidação corta a pedra e ela perde parte de sua  capacidade energética. Com a pessoa deitada, os cristais são colocados sobre seu  corpo principalmente na região dos chakras ( centros de energia vital) para aumentar ou diminuir a concentração de energia naquele ponto.  Pode-se também preparar   um elixir  com os cristais.
Para o uso terapêutico ou espiritual, os cristais precisam ser limpos e energizados. Como em toda e qualquer prática de terapia complementar - as chamadas alternativas - o terapeuta não deverá jamais interferir no tratamento tradicional a que a pessoa venha se submetendo. Com a melhora do estado geral - muitas vezes surpreendente - o médico se encarregará de diminuir a medicação e. em muitos casos, até suspendê-la.  
 
 
 
 
 

   Texto: Ciro Teixeira

Fontes:

- Duncan Cristais:

e
 
- A Cura pelos Cristais
Katrina Raphael - Editora Pensamento
 
 
 

 

CRISTAIS